PUBLICIDADE

Star Trek Discovery | Será que a maré vai virar…

Reviravoltas acontecendo, movimentos inesperados e maré virando no penúltimo episódio da temporada, e final tem tudo para ser épico.
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on email
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on email

Avaliação: 2.5 de 5.

Continuando os eventos da semana anterior, Osyraa e a Corrente Esmeralda no comando da Discovery saltam para o quartel general da Federação deixando Michael, Booker, Adira, Culber e Saru a própria sorte na Nebulosa mas Michael e Book a bordo da nave do mensageiro atravessa um corredor transdobra para tentar chegar a tempo no HQ e avisar Almirante Vance da cilada. Tudo isso e mais no penúltimo episódio da temporada, “Há uma maré…” que marca a volta à direção de Jonathan Frakes, o favorito Número Um dos fans.

assista “Há uma maré” e toda temporada de ST Discovery no NETFLIX

Esse episódio, com certeza, foi bem melhor que Su’Kal da semana passada. Teve ação, desenvolvimento de personagens (pouco) e algumas reviravoltas que fizeram sentido no contexto, uma pena que mais uma vez vão deixar muitas questões a serem respondidas apenas no episódio final da série e já sabemos que vai ter correria mas enfim é o que temos. E claro não poderia não começar exaltando a volta do favorito Kenneth Mitchell, dessa vez como humano, à série. Muito interessante seu personagem Aurelio. Um cientista que por uma dívida de gratidão à Osyraa fecha os olhos para as atrocidades que ela faz.

reprodução: Netflix

Um dos grandes destaques desse episódio foi sem dúvida os diálogos poderosos do roteiro de Kenneth Lin nos proporcionou, principalmente entre o Almirante Vance (Oded Fehr) e Osyraa (Janet Kidder) o balé das palavras em todas as cenas me levou para vários caminhos e o final das negociações entre eles, tudo começou com uma proposta dela para juntar a Federação e a Corrente numa nova entidade mas bastou o Almirante pedir para ela se entregar e ir a julgamento que tudo mudou e a verdadeira face dela se revelou.

+Discovery encontra a Nova Federação, milheres de fans services para o trekkers, mais uma vez Michael salva o dia, e foi um bom episódio.

E outro ponto incrível foram as cenas entre Michael (Sonequa Martin-Green) e Stamets (Anthony Rapp) que chegaram bem perto do nível de força com as cenas de Vance e Osyraa. Foi de partir o coração a sequência onde Stamets “joga na cara” de Michael que eles foram ao futuro para ela não ficar e se sentir sozinha. Acho que esse tipo de papo muda de vez o relacionamento entre eles.

reprodução: Netflix

Finalmente utilizaram com sucesso os arquivos da Esfera que mora dentro do computador da nave, ela já tinha dado um aperitivo em episódios anteriores onde inclusive sugeriu ao Capitão Saru fazer uma sessão de cinema para relaxar a tripulação. E agora um grande erro de Osyraa de não prestar atenção naquele arquivo pequeno, que no final das contas transformou os robôs DOT-7 de reparo em versões futuristas das Tartarugas Ninja.

+Série se joga para futuro desconhecido e abre boas possibilidades para a temporada em episódio centrado em Michael e Booker.

Dessa vez Tilly (Mary Wiseman) conseguiu, mostrou os atributos para sentar na cadeira principal. Ela e a tripulação estiveram muito bem no segmento, e a dinâmica com Book (David Ajala) e Ryn (Noah Averbach-Katz) funcionou, pena que o andoriano não vai ficar muito para conhecermos mais dele. E como é entrosada a tripulação da ponte, benefício de manter o elenco de apoio e pena que não teve muito desenvolvimento do passado deles para criar uma maior empatia mas a sequência onde eles resolvem agir é incrível e tão verdadeira que você compra a causa deles.

E o final, quando Osyrra mostra a sua verdadeira intenção e se prepara para o movimento final no seu plano e só não foi de tirar o fôlego porque todo o episódio foi incrível. Agora é esperar e ver onde essa maré vai nos levar na próxima semana e encerrar esse terceiro ciclo da série. Comentem aqui o que esperam nessa conclusão? e se a temporada está satisfatória? Até domingo que vem, vida longa e próspera.