Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Malgino - Imagem Filmes

Poucos sustos e história fraca…mais um terror decepciona

Maligno fracassa como terror psicológico ou como bom terror normal. Apenas os protagonistas se salvam.
5/5
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

compre aqui seu ingresso para assistir “Maligno” nos cinemas.

Olá Cine Fans, estreou na semana passada nos cinemas, o terror “Maligno” contando no elenco com Taylor Schilling (Orange is a New Black). Não é sempre que faço isso mas vou já logo no inicio dizer o que achei do filme, bem, não curti. A história é muito fraca, com vários clichês dos filmes do gênero, e parece que faltou criatividade do roteirista na hora de finalizar a trama. Porém para não continuarem dizendo que sou mau-humorado gostei bastante das atuações dos atores principais. Em especial da Taylor, de Jackson Robert Scott e de Colm Feore. Calma, jovens! Já direi quem eles interpretam.

Maligno – Imagem Filmes

Bem, vamos a história, no mesmo momento que um serial killer é morto pela polícia em Ohio, a jovem Sarah (Schilling) dá a luz a Miles (Robert Scott) em Pensilvânia – calma, segure esse pensamento mais um pouco. Desde cedo, o jovem Miles já mostrava sinais de QI avançado e pasmem já tinha começado a falar fluente. Mas apenas com 8 anos de idade, seus pais começaram a notar mudanças em seu comportamento.

primeira super-heroína liderando um filme do MCU, veja aqui nosso review de Capitã Marvel.

Após alguns incidentes que deixaram pessoas machucadas, seus pais o levam para uma psicologista para tentarem descobrir o que acontece com ele. Nada errado, até sua mãe apresentar a doutora uma fita com a gravação do garoto enquanto dorme. A doutora não entende o significado e chama seu amigo o especialista em reencarnação Arthur (Feore) que logo reconhece a fala – “Eu vou arrancar seus olhos e observar você morrer” disse o garoto em húngaro.

Maligno – Imagem Filmes

Claro que Sarah não acredita que seu filho esteja possuído pelo espírito maligno de um assassino mas depois de acontecimentos horríveis em casa, ela começa a ter dúvidas. Após uma sessão de hipnose com Artur, o espírito confessa estar dentro do corpo de Miles mas ameaça o doutor que sai da casa sem contar a verdade para Sarah.

drama comovente sobre o amor em tempos de guerra, veja nossa opinião sobre “Guerra Fria”

Artur muda de ideia e conta para Sarah tudo que aconteceu na sessão, ela fica desnorteada e começa a pesquisar sobre o assassino e descobre que ele morreu minutos antes de Miles nascer, e (para coroar a originalidade) o garoto tem os olhos com cores diferentes igual ao assassino.

Ela arma com o marido para colocar Miles numa clinica mas o garoto ataca o pai antes de chegaram, deixando-o em coma. E para finalizar a trama com chave de ouro, será?? Sarah decide matar a última vitima do assassino na esperança do espírito não precisar mais do corpo do garoto, mas não funciona – é claro! – e agora o garoto não controla mais o corpo. Assustada, Sarah tenta matar Miles mas é atingida por um caçador que leva o assassino no corpo do guri para as autoridades.

Maligno – Imagem Filmes

O final, ultra mega clichê, é Miles chegando no seu novo lar adotivo, olhando no espelho e vendo o reflexo do assassino. E final de filme! Então se você tiver 2 horas livres e não quiser pensar muito, está aí uma opção.

primeiro filme de super herói a concorrer a melhor filme, veja nosso review de “Pantera Negra”

Para finalizar o review, tenho que dizer que esperava um pouco mais do filme mesmo com a premissa da história não ser a mais original de todas. Na verdade o que me incomodou mais foi logo eles terem contado que o garoto estava mesmo possuído, isso na minha opinião, tirou o suspense e o mistério da jogada. Bem, é isso, Cine Fans!

Continuem com a gente, comentem o que acharam do filme! E sigam o Cinefans nas redes sociais (@cinefansoficial)

Valeu!!!