reprodução / AP

Pioneiro e lenda do cinema, Sidney Poitier morre aos 94

Ator foi o primeiro homem negro a vencer um Oscar e abriu portas para as novas gerações

Morreu nessa sexta-feira, uma das lendas do cinema norte-americano e mundial Sidney Poitier aos 94 anos. O ator que foi um dos pioneiros no cinema nos anos 50 e 60 e abriu portas para os atores negros.

Poitier que venceu o Oscar de Melhor Ator por “Uma Voz na Sombras” em 1963. Esse foi o primeiro Oscar dado a um homem negro.

As causas da morte não foram reveladas até o momento.

Ícone do cinema, Betty White morre aos 99 anos.

A carreira do ator nascido em Bahamas, começou durante os anos de segregação racial nos EUA e durou mais de meio século. Sidney Poitier se tornou a primeira ator negro a se tornar um astro em Hollywood com mais de 50 filmes incluindo os sucessos comoSementes de Violência“, “Advinhe Quem Vem para o Jantar”, “Ao Mestre Com Carinho”, “No Calor da Noite” e inúmeros mais.

Entre outras conquistas na carreira, o ator foi o primeiro homem negro a dirigir um filme que arrecadou mais US$ 100 milhões (“Loucos de Dar Nó”), foi indicado ao Tony em 1960 pelo seu papel como Walter Younger em “A Raisin in the Sun” de Lorraine Hansberry.

Denzel Washington homenageou Poitier em 2002 ganhou recebeu seu Oscar de Melhor Ator por Dia de Treinamento.

O ator deixa esposa Joanna, com quem era casado há 46 anos e seis filhas.

assista “Advinhe Quem Vem para o Jantar” no Youtube

PUBLICIDADE