divulgação / AP

Morre aos 88, astro francês Jean-Paul Belmondo.

Ator francês ganhou projeção internacional depois de sua aparição em 'Acossado' de Goddard.

Astro internacional desde que estreou o clássico filme de Goddard, ‘Acossado’, Jean-Paul Belmondo faleceu hoje aos 88 anos.

Com uma carreira de mais de seis décadas e mais de 80 filmes no currículo, o ator trabalhou com em grandes filmes de arte com diretores como Godard, François Truffaut, Alain Resnais, Claude Sautet e Jean-Pierre Melville, além de fazer filmes de ação onde fazia suas próprias cenas acrobáticas.

O ator já tinha sofrido um grave derrame em 2001 que paralisou o lado direito do seu corpo e o deixou sem falar por seis meses mas ele se recuperou e voltou a trabalhar.

morre aos 82, ator e diretor Sérgio Mamberti

Belmondo recebeu uma Palma de Ouro honorário em Cannes 2011, um Leão de Ouro honorário em Veneza 2016 e um César honorário em 2017, onde apareceu no palco cercada de estrelas de cinema da França.

Entre seus filmes de maior sucesso estão ‘Duas Almas em Suplício‘ (1960); Duas mulheres’ (1960); Leon Morin – O Padre’ (1961), ‘Técnica de um Delator‘ (1962); ‘Um Homem de Confiança‘ (1963); ‘Macaco no Inverno’ (1962); ‘100.000 Dólares ao Sol’ (1964); ‘O Homem do Rio’ (1964); ‘Paris está em Chamas?’ (1965) e A Sereia do Mississippi’ (1969).

Mais recentemente o ator fez dois personagens adaptados dos clássicos franceses, ‘Cyrano de Bergerac’ em 1989 e Jean Valjean no filme ‘Os Miseráveis’ de 1995.

Belmondo foi casado duas vezes. E teve quatro filhos, três ainda vivos. Sua filha Patricia morreu em 1994. Entre seus filhos está o piloto de corridas Paul Belmondo.

assista ‘Acossado’ no Telecine Play

PUBLICIDADE