divulgação / Paramount Pictures

Crítica | Sonic – O Filme

Versão cinematográfica de amado personagem dos games não faz feio com história simples para agradar a todos.
5/5

compre aqui seu ingresso

Bem, antes de começar essa crítica preciso falar a vocês que eu sou fan do vídeo game do Sonic então qualquer tipo de hipérbole noa elogios pode ser aquele jovem querendo se manifestar. Dito isso vamos ao que interessa, Sonic – O Filme.

O que posso falar do filme, a história é bem tranquila de se entender – também seria difícil criar algo muito elaborado com a história do jogo – e aposta muito no carisma do personagem título para agradar o público. E realmente, funciona.

Pela 1h e meia que o hedgehog azul aparece você fica encantando, com certeza querendo arrumar um para você. E a química do personagem virtual com James Mardsen (Tom Wachowski) é perfeita e muitas vezes te engana fazendo você achar que o Sonic existe no mundo real.

+ Baseado em fatos reais, 1917 nos apresenta a guerra de um jeito imersivo.

Mas o maior ponto dessa produção foi a acertada escalação de Jim Carrey como o vilão Robotnik, mesmo com todas as suas características caretas ele entrega um personagem bem acabado e com carisma que é muito importante para um vilão, especialmente esse que é extremante caricato.

De resto a única coisa que me incomodou, não sei bem se me incomodou mas eu não curti foi terem inventado uma historinha chinfrim de origem do Sonic, poderia ter ficado subentendido que acho que funcionaria melhor.

Sonic © Paramount Pictures / SEGA

Mas de resto, deixe a sua criança adormecida acordar, venha se distrair por 90 minutos e depois pegue o seu video-game de dentro do armário e volte a jogar aquele velho joguinho do porco espinho mais rápido que há e que adora anéis.

+ Tentativa de terror espacial no fundo do mar tem suas vitórias mas fica devendo.

Ah, antes que me esqueça ficou interessante a resolução que deram para os anéis no filme, depois que for ao cinema, volta aqui e comenta comigo o que achou, belê? No mais fica por isso porque não tenho muito mais a falar sem estragar a sua experiência. Então já sabe, todos no cinema na velocidade do Sonic.