Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Congrats aos vencedores do Bafta

5/5
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Mais um prêmio importante conheceu seus vencedores, nesse domingo dia 11, a Academia Britânica de Ciências Cinematográfica entregou os Bafta de 2021 aos melhores filmes. O grande vencedor desse ano foi “Nomadland” de Chloe Zano com 4 estatuetas.

O filme com a premiação de domingo se coloca na liderança para ser o vencedor do Oscar desse ano.

Outros destaques foram “Soul” e “A Voz Suprema do Blues” que levaram 2 estatuetas cada.

+veja os bastidores da premiação no site oficial do Bafta.

Nomadland – Walt Disney Pictures

Confira abaixo a lista dos vencedores do Bafta, indicada em negrito.

Melhor filme

Nomadland

  • “Meu Pai”
  • “The Mauritanian”
  • “Bela vingança”
  • “Os 7 de Chicago”

Melhor filme britânico

Bela vingança

  • “Calm with horses”
  • “Meu pai”
  • “The dig”
  • “O que Ficou para Trás”
  • “Limbo”
  • “The mauritanian”
  • “Mogul Mowgli”
  • “Rocks”
  • “Saint maud”

Melhor filme de língua não inglesa

Druk – Mais uma Rodada” – Thomas Vinterberg, Sisse Graum Jørgensen

  • “Dear Comrades!” – Andrei Konchalovsky, Alisher Usmanov
  • “Les Misérables” – Ladj Ly
  • “Minari” – Lee Isaac Chung, Christina Oh
  • “Quo Vadis, Aida?” – Jasmila Žbanić, Damir Ibrahimovich

Melhor animação

Soul

  • “Dois irmãos”
  • “Wolfwalkers”

Melhor diretor

Nomadland – Chloé Zhao

  • “Druk – Mais uma Rodada” – Thomas Vinterberg
  • “Babyteeth” – Shannon Murphy
  • “Minari” – Lee Isaac Chung
  • “Quo Vadis, Aida?” – Jasmila Žbanić
  • “Rocks” – Sarah Gavron

Melhor roteiro original

Bela vingança – Emerald Fennell

  • “Druk – Mais uma Rodada” – Tobias Lindholm, Thomas Vinterberg
  • “Mank” – Jack Fincher
  • “Rocks” – Theresa Ikoko, Claire Wilson
  • “Os 7 de Chicago” – Aaron Sorkin

Melhor roteiro adaptado

Meu pai – Christopher Hampton, Florian Zeller

  • “The Dig” – Moira Buffini
  • “The Mauritanian” – Rory Haines, Sohrab Noshirvani, M.B. Traven
  • “Nomadland” – Chloé Zhao
  • “O tigre branco” – Ramin Bahrani

Melhor atriz

Frances McDormand – “Nomadland”

  • Vanessa Kirby – “Pieces of a Woman”
  • Bukky Bakray – “Rocks”
  • Radha Blank – “The Forty-Year-Old Version”
  • Wuhmi Mosaku – “O que Ficou para Trás”
  • Alfre Woodard – “Clemency”

Melhor ator

Anthony Hopkins – “Meu Pai”

  • Riz Ahmed – “O Som do Silêncio”
  • Chadwick Boseman – “A Voz Suprema do Blues”
  • Tahar Rahim – “The Mauritanian”
  • Adarsh Gourav – “O Tigre Branco”
  • Mads Mikkelsen – “Druk – Mais uma Rodada”

Melhor atriz coadjuvante

Youn Yuh-jung – “Minari”

  • Maria Bakalova – “Borat: Fita de Cinema Seguinte”
  • Niamh Algar – “Calm with Horses”
  • Kosar Ali – “Rocks”
  • Ashley Madekwe – “County Lines”
  • Dominique Fishback – “Judas e o Messias negro”
Daniel Kaluuya – Judas e o Messias Negro – Warner Bros. Pictures

Melhor ator coadjuvante

Daniel Kaluuya – “Judas e o Messias Negro”

  • Barry Keoghan – “Calm with Houses”
  • Alan Kim – “Minari”
  • Leslie Odom Jr. – “Uma Noite em Miami”
  • Clarke Peters – “Destacamento Blood”
  • Paul Raci – “O Som do Silêncio”

+veja a lista completa dos vencedores do Globo de Ouro 2021 que abriu a temporada de premiações.

Melhor elenco

Rocks

  • “Judas e o Messias Negro”
  • “Calm with Horses”
  • “Minari”
  • “Bela Vingança”

Melhor documentário

“Professor Polvo”

  • “Collective”
  • “David Attenborough e Nosso Planeta”
  • “The Dissident”
  • “O Dilema das Redes”

Melhor animação

“Soul”

  • “Os Irmãos Willoughby”
  • “Wolfwalkers”

Melhor trilha sonora

“Soul”

  • “Mank”
  • “Minari”
  • “Relatos do Mundo”
  • “Bela Vingança”

Melhor fotografia

“Nomadland”

  • “Mank”
  • “Relatos do Mundo”
  • “The Mauritanian”
  • “Judas e o Messias Negro”

Melhor montagem

“O Som do Silêncio”

  • “Meu Pai”
  • “Nomadland”
  • “Bela Vingança”
  • “Os 7 de Chicago”

Melhor design de produção

“Mank”

  • “A Escavação”
  • “Meu Pai”
  • “Rebecca – A Mulher Inesquecível”
  • “Relatos do Mundo”

Melhor figurino

“A Voz Suprema do Blues”

  • “Ammonite”
  • “A Escavação”
  • “Emma”
  • “Mank”

+para relembrar, veja quem foram os vencedores do Bafta do ano passado.

A Voz Suprema do Blues – Netflix

Melhor cabelo e maquiagem

“A Voz Suprema do Blues”

  • “Era uma Vez um Sonho”
  • “A Escavação”
  • “Pinóquio”
  • “Mank”

Melhor som

“O Som do Silêncio”

  • “Greyhound”
  • “Nomadland”
  • “Relatos do Mundo”
  • “Soul”

Melhores efeitos especiais

“Tenet”

  • “Greyhound”
  • “Mulan”
  • “O Céu da Meia-Noite”
  • “O Grande Ivan”

Melhor curta britânico em animação

“The Owl and the Pussycat”

  • “The Fire Next Time”
  • “The Song of a Lost Boy”

Melhor curta britânico

“The Present”

  • “Eyelash”
  • “Lucky Break”
  • “Lizard”
  • “Miss Curvy”

Melhor estreia de um roteirista, diretor ou produtor britânico

“His House”

  • “Moffie”
  • “Limbo”
  • “Rocks”
  • “Saint Maud”