Confie, mas verifique! Chernobyl, a minissérie

Minissérie que reconta desastre apresenta um produto de alta qualidade e com excelente atuações.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

clique aqui para assistir “Chernobyl” no HBO GO (sujeito a assinatura do serviço)

Olá Cinefans!!! Hoje estou aqui para falar, com atraso, da melhor coisa que apareceu na TV nesse ano, sim estou falando de Chernobyl. E não estou exagerando, fans!!! Não vou nem falar sobre a última temporada de Game of Thrones, porque foi aquilo né!! 🙁

Antes de iniciar a falar das maravilhas da minissérie, deixo ai embaixo o trailer do show para chamar a atenção da riqueza dos detalhes e dos valores da produção.

“Chernobyl” – HBO / Sky Channel

Já curtiu né? Tenho certeza que sim. Então deixem eu falar minha opinião logo de cara, eu adorei, fazia tempos que não via nada tão bom – tiro o chapéu umas dez vezes para o Craig Mazin (criador) e para HBO que deu a liberdade total para ele fazer a produção – a série me transportou de volta para 1986.

MAIS AQUI: Conclusão da saga dos X-Men nos apresenta um filme esquecível com atuações indignas de final de uma era. Nossa opinião sobre Fênix Negra.

Acho que o maior mérito de toda a produção foi mostrar sem romantizar demais a situação política da então União Soviética da época. Mostrando todos os esquemas, paranoias e golpes de poder do Partido Comunista. E isso não faltou, desde a tentativa de minimizar o problema até esconder do resto do mundo a trágica realidade acontecida.

“Chernobyl” – HBO / Sky Channel

E nesse ponto vou dar destaque para a escolha de elenco, muito bem escolhido. Passando pelos principais Jared Harris como Valery Legasov – o diretor responsável pelos esforços da limpeza e contenção, Stellan Skarsgård como Boris Shcherbina e Emily Watson as Ulana Khomyuk – uma física nuclear que ajuda a criar soluções para o minimizar o problema.

Mencionei esses três porque toda a ação passa por eles mas todo o elenco está de parabéns, claro que existem alguns pontos fracos mas eles não comprometem de jeito nenhum a produção. E um pontinho negativo foi que apesar de filmarem em território “soviético” nenhum ator ou atriz russa está no elenco principal. Isso poderia ter sido feito, eu acho.

“Chernobyl” – HBO / Sky Channel

Vamos falar sobre a história, mas não vou detalhar muito, porque já é mundialmente conhecida e caso você não conheça, veja a série e volte aqui para comentar comigo o que achou. Os cinco capítulos se passam durante o período do acidente, da tentativa soviética de enganar o mundo e os esforços para diminuir o dano. Foi muito interessante ver durante os episódios o quanto o povo soviético é orgulhoso. Que tudo que eles fazem é o melhor, e descobrir o choque deles quando a sua jóia, o reator RBMK tinha falhas. Também foi interessante ver quanta ganância existe dentro do Partido Comunista e quanto eles não confiam em praticamente ninguém.

LEIA TAMBÉM: Godzilla, o monstro mais visto do cinema está de volta para provar que é ele que manda no pedaço.

A falta de liberdade do povo para certas situações já era imaginável mas acredito que teve um pouco mais de dramatização para funcionar dentro da minissérie. Entretanto também acho que era bem parecido com o que foi mostrado. Apenas uma coisa me incomodou na série, que foi o uso da língua inglesa como o idioma principal – apenas algumas situações e ditados eram em russo – e com todo o apreço que fizeram na série acho que poderia ter sido utilizado a língua mãe soviética como a principal na série.

“Chernobyl” – HBO / Sky Channel

Foi difícil ver e não se comover com todas as mortes ocorridas pelo acidente. Especialmente os técnicos que tentarem ao máximo evitar uma tragédia maior – na hora não se sabia que o reator tinha explodido – e também os socorristas que fizeram de tudo e mais um pouco para apagar o então incêndio no prédio da usina. E após isso foi duro não sentir um pouco da dor e agonia que atingiu esse pessoal que recebeu doses letais de radiação. E palmas para a equipe de maquiagem e caracterização pelo trabalho excepcional que me fez acreditar em tudo que era mostrado.

Depois que vocês lerem isso nem preciso dizer que recomendo demais que vejam Chernobyl porque é uma experiência única. E já estou ansioso pois os russos já avisaram que lançarão em algum ponto a verdadeira versão do que aconteceu no acidente da Usina Nuclear.

Então ficamos combinados até lá! Por enquanto é isso! Valeu!!

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.