Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
"A Favorita" - Fos Searchlight

“Não é a novela, mas é A Favorita”

5/5
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Um dos favoritos ao Oscar, A Favorita apresenta um belo espetáculo para os amantes do cinema.

Na caminhada do Oscar, poucas são as certezas. Em 2019, uma das poucas confirmações antes da premiação é o glorioso sucesso de “A Favorita” (2019). Poderia estar falando de Patrícia Pillar e Cláudia Raia contracenando na renomada novela global, “A Favorita” mas, na realidade, estamos falando da produção que conquistou o coração dos avaliadores da Academia.

*compre aqui seu ingresso para ver “A Favorita” nos cinemas

O filme conta com 10 indicações para o dia 24 de fevereiro, incluindo as categorias de Melhor Filme, Melhor Atriz e Melhor Atriz Coadjuvante. Atendendo demandas de diversos públicos, o longa mistura intrigas, lutas por influência, romance e, claro, um cheirinho de Oscar. Além disso, a narrativa se passa em um terreno fértil para provocações e tramas: dentro da realeza no século XVIII.

Na Inglaterra pós-Revolução Gloriosa, a Rainha Ana (Olivia Colman), debilitada e frágil, reina com a ajuda da Duquesa de Marlborough (Rachel Weisz), não apenas sua confidente, conselheira e amiga, como também sua amante secreta. Enquanto isso, a jovem Abigail Hill (Emma Stone), prima da duquesa, se emprega como criada da prima, aproximando-se bastante da própria rainha. Agora que conseguiu se estabelecer, Abigail vai fazer o que for necessário para manter sua posição na realeza.

“A Favorita” – Fox Searchlight Pictures

As quase duas horas da produção dirigida por Yorgos Lanthimos, conhecido por “O Lagosta” (2015), indicado a Melhor Direção, passam voando pelos olhos do espectador. No começo, há dificuldade em compreender o prosseguimento da trama mas, quando se contextualiza a história, é praticamente impossível desgrudar os olhos da telona.

Durante toda a narrativa, as composições de som e fotografia são impecáveis, acompanhando os momentos de tensão e de alegria, apesar de terem optado por cores mais sóbrias e pouca iluminação em grande parte das cenas, respeitando as limitações do próprio século XVIII.

Além disso, a mescla entre a lente normal e uma lente similar à “olho de peixe” dinamiza ainda mais a visão dos personagens, dando a impressão de ser mesmo um olho humano, um olhar subjetivo dentro da cena. Sem dúvida, uma jogada muito inteligente e intrigante do diretor!

*leia aqui a nossa opinião sobre “Os Incríveis 2”, indicado a melhor filme de animação

Embora as produções de filmes de época já tenham saturado em certa quantidade, “A Favorita” não desaponta mesmo em criar uma narrativa bem produzida e que não seja cansativa para o espectador. As tramas e as disputas ao longo da história são muito bem estruturadas, principalmente por acompanhar as diferentes personagens de acordo com os acontecimentos.

“A Favorita” – Fox Searchlight Pictures

Sem falar nas atuações! Retiro minhas palavras sobre a atuação da Emma Stone, que superou as expectativas que eu tinha depositado na atriz. Suas companheiras de set também mostraram que não estão para brincadeira no longa! No Globo de Ouro, a própria Olivia Colman (Rainha Ana) ganhou a estatueta como Melhor Atriz – Comédia ou Musical, enquanto Emma Stone e Rachel Weisz concorreram na categoria de Melhor Atriz Coadjuvante em Cinema.

Agora, as atrizes aguardam o Oscar com ansiedade, já que também estão concorrendo a estatuetas: Olivia Colman indicada a Melhor Atriz e Rachel Weisz e Emma Stone indicadas a Melhor Atriz Coadjuvante.

*ouça aqui o Papo Cinefans sobre os indicados ao Oscar!

Pessoalmente, não poderia ter ficado mais satisfeita com uma produção que já conquistou o coração do pessoal da Academia e do Globo de Ouro. Impecável em diversas formas, direção e atuações de dar inveja, além de fotografia e trilha sonora que complementam perfeitamente a narrativa e a atmosfera passada pelo diretor. Quem sabe no dia 24 de fevereiro “A Favorita” será, de fato, a favorita da premiação.

NO FANZIMETRO O FILME MERECEU NOTA:

5