Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Globo de Ouro 2019

Cinefans no Foco: “Globo de Ouro 2019”

5/5
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Já vai começar a temporada de premiações, e Já TE DEIXAMOS PRONTOs para a primeira.

Mandatory Credit: Photo by Phil McCarten/Invision/AP/REX/Shutterstock (9885497ac) Sandra Oh, Andy Samberg. Sandra Oh, left, and Andy Samberg present the award for outstanding directing for a comedy series at the 70th Primetime Emmy Awards, at the Microsoft Theater in Los Angeles 70th Primetime Emmy Awards – Show, Los Angeles, USA – 17 Sep 2018

Cinéfilos de plantão, se preparem para uma das maiores premiações do audiovisual mundial: o Globo de Ouro. O queridinho vai acontecer dia 6 de janeiro, já começando bem 2019. Os apresentadores Andy Samberg (Brooklyn Nine-Nine) e Sandra Oh (Grey’s Anatomy) não deixarão a risada acabar durante a premiação. Enquanto fazemos a contagem regressiva para o esperado dia, podemos nos contentar por ora com as produções de TV e cinema que estão sendo indicadas. Será que a sua série preferida de 2018 vai ganhar uma estatueta? Será que o seu filme preferido de 2018 vai levar premiações para casa?

LEIA AQUI NOSSA OPINIÃO SOBRE ELITE, nova febre do Netflix.

Liderando nas indicações, a produção “Vice”, com Christian Bale  como o ex-vice-presidente Dick Cheney, conta com 6 indicações. Os longas “Nasce uma Estrela”, com Lady Gaga e Bradley Cooper, e “Green Book: O Guia”, com Peter Farrelly e Nick Vallelonga, estão logo abaixo com 5 indicações. Nas telinhas, a série “The Assassination of Gianni Versace” tem 4 indicações e lidera nas produções de televisão. Abaixo dela, “The Marvelous Mrs Maisel”, “Killing Eve” e “Barry” têm, cada uma, 3 indicações.

DISPUTA ACIRRADA ENTRE OS DRAMAS

Nas telonas, os indicados a Melhor Filme de Drama mostram uma competição acirrada. “Pantera Negra”, “Nasce uma Estrela”, “Bohemian Rhapsody”, “Infiltrado na Klan” e “If Beale Street Could Talk” disputam a categoria. Os queridinhos do público e grandes bilheterias “Pantera Negra”, filme impecável do universo Marvel, “Nasce uma Estrela”, com sua elogiada trilha sonora e atuação relevante da dupla Cooper e Gaga, e o irreverente “Bohemian Rhapsody”, com a direção impecável de Bryan Singer. Nessa competição de gigantes, nenhum vencedor desapontará o público. Se fosse um jogo de poker, apostaria minhas fichas no “Bohemian Rhapsody”. Será que eu ganho?

Disputa boa entre filmes de comédia

Já os filmes que prometem desde risadinhas a gargalhadas, “Podres de Ricos” mostra que, às vezes, Hollywood consegue acertar, e traz um elenco inteiramente composto por atores asiáticos, “A Favorita”, com a queridinha de Hollywood, Emma Stone, “Green Book: O Guia”, com Peter Farrelly e Nick Vallelonga.

Divulgação “Associação dos Correspondentes Estrangeiros em Hollywoos (HFPA)”

Além disso, retornamos ao passado com “O Retorno de Mary Poppins”, protagonizado pela irreverente Emily Blunt, o longa é um dos mais esperados do ano, dando continuidade ao clássico do cinema, “Mary Poppins” (1964). Por fim, mas não menos importante, o queridinho da premiação, “Vice”, com a marcante presença de Christian Bale como o ex-vice-presidente dos Estados Unidos, Dick Cheney. As apostas estão altas para “Vice”, indicado a seis categorias, mas quem sabe teremos uma surpresa dia 6 de janeiro. Pelo peso da obra, torço para que “Green Book: O Guia” leve a estatueta para casa e polir todo mês.

Tudo pode acontecer nas séries de Drama

Já nas telinhas, as indicadas a Melhor Série de Drama já têm um nome que as precede. “The Americans”, queridinha dos críticos, “Bodyguard”, produção viciante da BBC, “Homecoming”, produzida pela Amazon e contando com ninguém menos que Julia Roberts como protagonista, “Killing Eve”, protagonizada pela própria apresentadora da premiação, Sandra Oh, e “Pose”, pautada a temática LGBT nos anos 1980. A competição lida com grandes produções como “The Americans” e “Killing Eve”, deixando os fãs ansiosos pela vencedora. Nessa categoria, minhas apostas estão todas em “The Americans”, uma obra ilustre da televisão. Tomara que os infiltrados da KGB leve essa estatueta!

SERÁ QUE TEREMOS SURPRESA NAS SÉRIES DE COMÉDIA

Dentre as séries risonhas, a disputa é entre “Barry”, ganhadora de dois Emmys neste ano, “Kidding”, série tragicômica com o ilustre Jim Carrey e Judy Greer. Além disso, a Netflix leva duas indicações: “The Good Place”, com tema inédito e contando com a atuação de Kristen Bell e Ted Danson, e “The Kominsky Method”, com a presença impecável de Michael Douglas. Por fim, a queridinha “The Marvelous Mrs. Maisel”, já ganhadora em duas categorias do Globo de Ouro 2018. Na conquista pela risada, qual delas vai rir por último? Por mim, a risada final fica com “Barry”, do cômico Bill Hader.

VEJA AQUI UMA INDICAÇÂO CINEFANS NO NETFLIX, NARCOS MÉXICO

A ansiedade pré-premiação atinge não só os atores e produtores, como também os fãs ávidos dos audiovisuais televisivos ou cinematográficos. Enquanto não poderemos, de fato, conhecer os vencedores do Globo de Ouro 2019, ficamos na expectativa para a premiação e buscando relembrar bons momentos dos filmes e séries amados. E aí, qual o seu bolão para dia 6 de janeiro?

© Globo de Ouro – Associação dos Correspondentes Estrangeiros em Hollywood (HFPA) – Todos os direitos reservados.