Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
"Assédio" - Rede Globo

O Assédio mais arriscado da Globo!

5/5
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Série exclusiva da GloboPlay choca, na medida certa, ao contar história sobre crime verdadeiro

Primeiramente gostaria de dar meus parabéns à Rede Globo por ter tido a decência de entrar para o mercado de streaming. Em segundo lugar, parabéns à quem teve a brilhante ideia de produzir conteúdo digital exclusivo. Por último, mas definitivamente não menos importante, darei novamente minhas congratulações à emissora por ter realizado um projeto com um assunto tão polêmico, de forma tão explícita mas na medida certa para que o espectador fique chocado, mas não traumatizado (recado dado, Netflix? Ok, obrigado, próximo!).

“Assédio” – Rede Globo

“Assédio” é uma das apostas da emissora e um potencial programa a entrar na grade e invadir sua telinha em 2019. A série conta, de forma fictícia a história de um médico que fazia inseminação artificial e estuprava suas pacientes enquanto dopadas da anestesia. Achou pouco? Então é melhor se sentar porque é baseada em fatos reais, Cinefans. Eu disse fatos reais.

– quer mais polêmica, leia aqui nossa opinião sobre “Você” nova série do Netflix.

Com um elenco bem pesado reunindo alguns do alto escalão da Globo (Antonio Calloni, Adriana Esteves, Paolla Oliveira, entre outros) a série que, acredito eu, terá apenas uma temporada tem 10 capítulos de uma média de 35 minutos que terminam num piscar de olhos. Você realmente não sente. Todo foco investigativo, todos os núcleos, a história de cada personagem contribuem para que você não desgrude seus olhos da tela do seu computador, celular, tablet, enfim, onde quer que esteja assistindo!

“Assédio” – Rede Globo

O tema ajuda, obviamente. Muito. Essa temática que dá o nome à produção além de estar muito em alta nos últimos anos ainda serve como uma forma de ajudar mulheres que passam ou passaram por isso. Como? A série deixa bem claro que esse tipo de caso deve ser denunciado. A trama revolta quem está assistindo porque mostra questões que envolvem privilégios de um homem, branco, médico, rico e famoso que pensa que está imune por conta dessa lista imensa que acabei de citar e acha que pode fazer o que quiser.

A série deixa o espectador muito envolvido porque é cativante, aborda principalmente de forma bastante explícita a frase “a culpa é sempre da vítima” e eu sei, nós sabemos o quanto isso é revoltante. Enfim. Aqueles que tiverem a oportunidade de assistir na internet essa história, a recomendação está feita. Aos que não tem essa possibilidade, aguardem pois a emissora pode colocar na programação em breve. E vale muito a pena.

assista aqui a série “ASSÉDIO” no GloboPlay

No FANZIMETRO a série recebeu NOTA:
4,9