Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
divulgação / Imagem Filmes

A Profissional e a importância da segunda chance

Dirigido por Martin Campbell, thriller com Maggie Q, Samuel L. Jackson e Michael Keaton é bom entretenimento.
5/5
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Avaliação: 2.5 de 5.

Estreando essa semana, o filme de ação “A Profissional” traz um ótimo elenco com uma trama simples e direta sobre vingança e segunda chance.

assista “A Profissional” nos cinemas (respeite as regras sanitárias das salas)

Protagonizando o filme está Maggie Q, que mostra muito talento para as sequências de ação mas é bem perceptível que lhe falta algo quando a trama vai para o dramático mas não compromete em parte nenhum e ela consegue ter uma bela química em tela com seus parceiros Samuel L. Jackson e Michael Keaton

A história do filme é: “Anna (Maggie Q) foi resgatada quando criança e treinada para se tornar a assassina profissional mais habilidosa do mundo. Anos depois, quando Moody (Samuel L. Jackson), o homem que ela tinha como um pai e que lhe ensinou tudo sobre sobrevivência, é brutalmente assassinado, Anna se junta ao enigmático Rembrandt (Michael Keaton) e promete ir até o fim em busca de vingança.”

divulgação / Imagem Filmes

leia a crítica de “A Mensageira”

A direção de Martin Campbell (007 – Cassino Royale) tenta ao máximo tentar balancear as sequências de ação com o desenvolvimento dos personagens, ou tentativa de algo assim. Falando a verdade, quem vai assistir um filme de ação não está de olho numa história complexa, não é verdade?

Não sei se é coincidência ou não, mas por ser do mesmo estúdio de John Wick, o diretor quis fazer algumas graças e jogos narrativos para contar a história. Em alguns momentos funciona bem demais, e outros poderia ficar sem.

Os melhores momentos, sem dúvida, são as cenas de luta, de perseguição,os tiroteios e explosões, tudo muito bem coreografado e com ótimos valores de produção. Não economizaram dinheiro do orçamento ali.

As locações também funcionam muito bem para contar a história, principalmente as cenas rodadas no VIetnã mostrando os dois lados da cidade, o próspero com os arranha-céus e o lado sofrido com destruição e violência, isso funcionou muito bem para te colocar praticamente dentro da situação que está ocorrendo.

divulgação / Imagem Filmes

Não vou chamar de ponto negativo mas atrapalhou a previsibilidade da trama atrapalhou um pouco o prazer de assistir mas como pontuei densidade de texto num filme de ação não é normal. Não que isso vá atrapalhar sua experiência mas se você é como eu e tenta advinhar o que vai acontecer nas cenas seguintes, em “A Profissional” vai ser sem graça esse jogo.

E precisamos falar do final, que não foi uma maravilha mas também nenhuma tragédia mas infelizmente caiu na armadilha de todo o filme de hoje, querer ser franquia e deixar o final aberto. Não acho que precisava, narrativa cumpriu bem o papel mas vai que o público goste e peça um novo. Tudo é possível!